quarta-feira, 5 de outubro de 2011

o tempo (...)


Tempo ? quem nao precisa de tempo ? Tempo, é o que todos dizem precisar. Todos precisamos de tempo, quer queiram, quer nao queiram. Se a vida é assim, o tempo também é assim, o tempo serve para perceber, entender, observar, e por vezes até para poder simplemente repirar. Nem sempre o tempos, por vezes, é um facto. Mas fazemos todos os (im)possiveis para o encontrar, isso é certo, nem que isso signifique a faltar a compromissos, falhar aos que nos sao proximos e ser egoistas. Chama-lhe "egoismo", eu prefiro chamar cuidado. Há dias em que preferimos ficar em casa, a ver as series que os nossos gostos pessoas requesitam, a comer as coisas que dizem fazer mal, a ser "egoista" e a tentar encontrar a liberdade de uma rotina em pequenos gestos que normalmente seriam proibidos. Ficamos na cama, com o pijama mais feio ou bonito que temos, é relativo. Ninguém vê, é um segredo, uma coisa só nossa. Não tem que ter flores, nem ser própriamente um pijama; pode ser a velha t-shirt que tínhamos no roupeiro, NÃO IMPORTA. Tocam à campainha, fingimos não estar ninguém em casa. Tomar banho? Escusado. Maquilhagem? nem pensar. Por um simples dia, fugimos à realidade e à verdade. Dizemos aos nossos pais que estamos doentes e pronto, somos "egoístas" e arranjamos o nosso tempo e a nossa liberdade. Tudo parece correcto, todos o fazem de vez em quando. Mas alguém tem que se questionar com a simples pergunta de sempre; "porquê?" eu questiono-me, faço-o como todos, mas questiono-me na mesma. Porque procuramos tanto a liberdade, se já a temos em todos os aspectos? Porque razão, por vezes, parece que queremos fugir da nossa própria vida, dos nossos próprios amigos? Somos nós que a fazemos, somos nós que os escolhemos. Daí ser uma atitude complexa e merecedora de, não uma, mas várias respostas. Eu penso ter alcançado a resposta que se consiga adequar ao meu caso. No que diz respeito a fugir da rotina e da verdade, penso que: aceitar, saber, encarar e viver com a verdade doí, daí, mentimos, e sobre a procura da "liberdade"? Não a procuramos, o que realmente procuramos com uma enorme fome, parecendo uma criança à procura do brinquedo preferido, não tem essa definição tão gasta.

133 comentários:

R* disse...

Concordo com cada palavra neste texto! Adorei!
E obrigada querida* <3

Maria Inês disse...

estou ansiosa por saber amor, em principio só ligo da parte da tarde (:

Vanessa Leitão disse...

gostei *
sigo.

jorge disse...

ta lindo meu amor lindo mesmo *.*

amo-teeeeeee <3

felicidade (in)constante disse...

obrigada :)
escreves mesmo bem *o*

cats disse...

nada de agradecimentos :)

- Andreia José disse...

lindooo*

vera • disse...

que texto lindoo *o*

Francisca Cochofel disse...

gosto muito :)

sophia disse...

obrigada*

Izza Shocks. disse...

É triste, mas nunca na vida estamos satisfeitos com aquilo que temos. Aspiramos sempre sempre mais.
O lado bom nisso é o sentimento de necessidade de novas conquistas, o lado mau é desprezar-mos aquilo que tem valor, e só nos apercebemos disso quando perdemos tudo.
É o ser humano.

Paula Castro disse...

Ainda bem que gostaste linda (:

Carolina* disse...

Está muito giro *
Adorei!

lena disse...

ADORO, TÁ LINDO !!
às vezes quero, outras não. por exemplo, ontem quando escrevi aquele texto queria, agora já não :s

beatriz disse...

- não tenho conseguido vir ao teu blog não entendo porque :/ há computadores que não me deixam entrar aqui -.- mas continuo a adorar! :)*

simple soul disse...

chamo ao tempo o meu cumplice em maioria dos casos *

Sara disse...

Adorei, lindo!
E quanto à resposta: ainda não encontrei a minha, infelizmente.

filipa ^^ disse...

adorei ♥

ana disse...

o tempo pode ser quem ajuda a tomar decisões melhores.

Joo disse...

Mas tens motivos para ter medo? :\

vera • disse...

o teu está bem melhor querida :)

Tânia ' s disse...

o tempo, seja ele considerado para o que for, é relativo. cada um tira o tempo que achar necessario.

R* disse...

óh, de nada, não tens nada que agradecer querida! :)

feelings (L) disse...

muito bem dito! gostei muito*

- Andreia José disse...

De nada (:

ana disse...

como estás?

filipa ^^ disse...

obrigada eu, linda és tu :s

R* disse...

Nada disso querida, se comento e se falo no teu blog e contigo é pq mereces e pq escreves realmente bem.

ana disse...

igualmente doce*

Tânia ' s disse...

Sim, eu referi que era x'd

vera • disse...

é verdade sim *-*

Sara disse...

Adoro. :)

filipa ^^ disse...

não, não, tu é que és (:

R* disse...

owhhm ainda bem! :)

ana disse...

hum, não sei que pôr :c
que achas do design, sinceramente?

vera • disse...

és tão teimosa querida xD

mariana. disse...

obriagda :(

filipa ^^ disse...

somos as duas, okay?

mára alexandra disse...

obrigada! adorei, escreves muito bem (:

Sara disse...

De nada querida. :)

ana disse...

acho que vou mudar, está um pouco escuro, mas não sei como pôr :c

Soraia Jesus disse...

Para namorado: Obrigada eu meu amor. amo-te mais que muitao :')

© hurricane disse...

mesmo assim meu anjo!
tu consegues :)

Sara disse...

És muito mais, princesa! Não tenhas dúvidas. :)

Tânia ' s disse...

(:

mára alexandra disse...

de nada (:

Sara disse...

As duas então. ;)

mariana. disse...

enganei - me
* :)

Daniela disse...

concordo com o que disseste, princesa *-*
tens mesmo de ver o filme, é, simplesmente, lindo! :)

cats disse...

oh, mas se o digo é porque é verdade e mereces :) que texto lindo mais uma vez

Sara disse...

a minha resposta à tua pergunta. o porquê de gostarmos de quebrar a rotina, de estarmos "sozinhas"...acerca do teu texto :)

aimee rose disse...

ainda bem :)

ana disse...

ora vê se gostas :$

TDelMona disse...

é mesmo fofinha :s

Amei este texto sabes ? AIIII eu ando a adorar os teus post's. escreves de uma maneira encantadora querida *-*

Eu QUERO (assim com letras grandes) MESMO muitooooo ir ver o filme o:

ana disse...

pronto, ainda bem doce :)
ando mesmo atacada :c

vera • disse...

pronto somos as duas então fofinha *-*

ana disse...

doente, :c

vera • disse...

ó nada disso :c

TDelMona disse...

E transmites de uma forma fantástica linda, é um prazer ler-te *-*
Eu sou daquelas fãs mesmo FÃS o: li os livros ainda antes de haver os filmes e amei, e depois quando vieram os filmes fiquei fascinada. Ainda por cima eu já adorava o Robert, e ele como Edward Cullen está FANTÁSTICO :o AMOOOO

jorge disse...

amo-te muito meu bem <3

Daniela disse...

Que lindo :D

Soraia Jesus disse...

também te amo muito mesmo meu amor *

ana disse...

engripada doce :c

Daniela disse...

De nada :D

ana disse...

ah, também :c
diz-me uma coisa, para ti o que é o carácter de uma pessoa?

ana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Inês disse...

Adoro o texto fofinha :D

ana disse...

pronto, sabes agora :c

inês lima disse...

como eu te compreendo fofa

Maria Inês disse...

De nada meu amor :b

mariana disse...

também gostei imenso do teu texto.
muito obrigada!

catarinacosta. ♥ disse...

obrigada amooor!

ana disse...

pois, fico assim :c

inês lima disse...

não, por acaso não (e ainda bem!). mas já passei por isso, e sei perfeitamente o que estás a sentir.

ana disse...

oh tipo já estou melhor, mas pronto :c

little joana disse...

ohn ainda bem. gostei imenso do teu blog*

filipa ^^ disse...

oh, thanks, mas tu também és, muito :*

Daniela disse...

Oh muito obrigada (: o teu também está ;D

Daniela disse...

De nada querida :D

ana disse...

oh, tens sido um doce, acredita.

filipa ^^ disse...

de nada, eu também já pos este, mas não consigo mudar as coisas :c

ana disse...

oh, eu não mereço :$

filipa ^^ disse...

mudar para as coisas que queremos, precisas de perceber bué cenas.

Soraia Jesus disse...

nao consigo comentar o teu blog filipa s:

filipa ^^ disse...

pois, vês, no teu dá, mas no meu não.

ana disse...

oh, não sei :$

catarinacosta. ♥ disse...

ó, princesa. muito obrigada!
eu particularmente acho que aquele texto está super confuso mas pronto, foi o que saiu. (L)

ana disse...

um bocadinho talvez.

filipa ^^ disse...

pois, secalhar é isso, podias fazer um para mim, se não for incomodo? :s

catarinacosta. ♥ disse...

nao percebii o;

filipa ^^ disse...

se pudesses :3

catarinacosta. ♥ disse...

olha pois é.. nem tinha visto. desculpa amor :(

catarinacosta. ♥ disse...

parece mesmo, nem tinha visto senão fazia algo diferente :/

filipa ^^ disse...

pode ser diferente ou igual, mas era melhor diferente, não achas? :)

catarinacosta. ♥ disse...

ó, obrigada mesmo amooor! $:

ana disse...

por situações que não entendo :c

Sofia disse...

adoro o blog, vou seguir-te*

felicidade (in)constante disse...

de nada :b

© hurricane disse...

não agradeças! qualquer coisa, podes falar. e mesmo que não fales venho aqui ver como 'andas' <3

calina disse...

completamente really

Maria Inês disse...

Dentro dos possiveis está bem princesa, eu é que já não suporto tanta saudade :x

ana disse...

esta cabeça anda ás aranhas :c

Maria Inês disse...

Ó princesa, eu sei que isso não é verdade. E tu também sabes :x

Pedacinhos de mim disse...

Dizem que o tempo não ajuda nos momentos mais difíceis, que ele apenas existe de uma forma exterior a nós e que de nada contribui para curar um coração magoado mas na verdade ele ajuda bastante nem que seja a mostrar novos caminhos que antes pareciam desconhecidos. Gostei bastante do post .)

Rita disse...

Gostei muito do teu texto (:

filipat. disse...

tens telemóvel? :s

alguém (: disse...

pois compreendo querida s:

Vanessa Leitão disse...

de nada (;

Kayra Biskowski. disse...

o tempo serve para aprendermos a paciência, e é isso que deves ter agora :)

little joana disse...

de nada fofinha*

© hurricane disse...

sua linda :,) <3

vera • disse...

eu vou tentar querida x)

Daniela disse...

Querida :D

Maria Inês disse...

Que saudades das férias princesa :$

vera • disse...

claro que sim querida :)

ana disse...

pois, mas é assim :c

Maria Inês disse...

Mas tu ainda tens a sorte de estar com ele ao fim-de-semana querida!

Maria Inês disse...

Imagina eu :x

vera • disse...

ó a sério? :$
e eu também *-*

Sara Martins. disse...

concordo com cada linha que li minha princesinha! é tão verdade, como já tinhas mencionado compriendemo-nos tão bem, ai como te compreendo!* adoro-te e sabes que estarei aqui sempre que precisares de mim <3

cɑtɑrinɑ ; disse...

meti numa das mensagens *

Susana disse...

Identifico-me tanto com este texto querida soraia

Maria Inês disse...

É dificil imaginar princesa :s

Sara Martins. disse...

pois é princesa e eu gosto muito disso! pois é princesa a inspiração tem andado escassa com tanta coisa a passar-se a minha volta e eu cada vez menos vou conseguindo acompanhar tudo s: em relação a isto princesa? oh sabes como é(?), quando nos iludimos como uma coisa que pensamos ser tão real e quando nos damos conta era tudo da nossa mente, eu abri os olhos muito tarde mas eu recupero princesa!* obrigada pela preocupação e pelo elogio, ai como gosto imenso de ti minha princesinha mais linda <3

Izza Shocks. disse...

Ainda bem que o fazes, é sinal que és feliz. Tal como eu!

Carina Joana disse...

My dear, às vezes também fico assim, 'egoísta' <3 precisamos sempre desse tempinho para nós, é tão reconfortante :) deixou-me tão nostálgica, o teu textinho <3 adoro sentir-me assim por isso agradeço-te e digo-te o quanto adoro vir aqui ao teu cantinho*

lena disse...

eu amo-o, mto mesmo mas ele não presta e já me fez coisas que não se perdoam. agora que anda atrás de mim, num minuto é o melhor de todos no outro o pior ..

alguém (: disse...

sim amor

Mary* disse...

Todas as palavras que aqui estão escritas são fantásticas e acredita numa coisa: amo o teu blog!:)
beijinhos*

Bárbara Silva disse...

- ainda bem :)

little joana disse...

ohn, minha fofinha*

Cláudia Lopes disse...

Obrigado pelo comentário. Bom texto e bom blogue ;)
estou a seguir.

Ana Catarina disse...

Eu também gostei:) Dás vida ás palavras. Muito Obrigada por gostares. beijinhos